Peça agora o seu cartão também pelo telefone: 0800 729 2071

orientação nutricional
Alimentação 11 de abril de 2022

Qual a importância de uma boa orientação nutricional?

Já pensou em contar com uma orientação nutricional? Esse é um trabalho realizado por um profissional formado em Nutrição, que apresenta conhecimentos e habilidades necessários para montar um plano alimentar adequado para cada pessoa. Esse tipo de serviço pode ser muito útil para quem está em busca de uma alimentação mais equilibrada no dia a […]

Já pensou em contar com uma orientação nutricional? Esse é um trabalho realizado por um profissional formado em Nutrição, que apresenta conhecimentos e habilidades necessários para montar um plano alimentar adequado para cada pessoa.

Esse tipo de serviço pode ser muito útil para quem está em busca de uma alimentação mais equilibrada no dia a dia, mas não sabe por onde começar. Além disso, quem apresenta novas necessidades alimentares pode fazer muito bom proveito dessa orientação.

É por isso que, neste post, você vai descobrir tudo o que precisa saber sobre a orientação nutricional e os principais casos em que esse serviço é indicado. Acompanhe e fique por dentro do assunto!

O que é a orientação nutricional?

A alimentação é um dos principais componentes da saúde e do bem-estar. Afinal, é por meio dela que o organismo recebe os nutrientes necessários para fazer a manutenção e garantir o bom funcionamento.

No entanto, saber como encontrar a alimentação correta não é uma tarefa fácil. Manter o equilíbrio e conhecer as porções ideais de cada nutriente não é simples, principalmente porque isso varia de pessoa para pessoa.

É nesse contexto que entra a orientação nutricional. Esse é o trabalho realizado pelo nutricionista para ajudar a planejar as refeições do dia a dia, orientar sobre os alimentos mais apropriados para cada caso e tirar as principais dúvidas com relação ao assunto.

Qual a sua importância?

Uma alimentação equilibrada é aquela que não apresenta excessos nem restrições. Chegar a esse ponto, por conta própria, nem sempre é simples, principalmente para pessoas que foram diagnosticadas com transtornos alimentares ou com doenças crônicas.

Por isso a importância de ter o apoio e o acompanhamento de um profissional especializado. Um nutricionista, por meio de exames e dos relatos dos pacientes, consegue identificar as demandas de cada pessoa e montar um plano personalizado para a alimentação diária.

Desse modo, o paciente é capaz de receber as instruções e o suporte necessário para aprender a melhorar a alimentação e a manter o equilíbrio, a fim de cultivar mais bem-estar e qualidade de vida.

Em quais casos a orientação nutricional é indicada?

Praticamente todas as pessoas podem procurar orientação nutricional quando desejarem melhorar a alimentação no dia a dia. No entanto, existem alguns casos que requerem uma maior necessidade de apoio profissional.

Nesse contexto, vale a pena destacar que a orientação com um nutricionista é indicada nos casos a seguir!

Tratamento da obesidade

A obesidade é uma doença crônica, caracterizada pelo aumento de peso e acúmulo, em excesso, de gordura corporal. Por trazer diversas alterações para o organismo, essa é uma condição que precisa de atenção, a fim de prevenir outras complicações de saúde.

Além disso, a obesidade é um transtorno que está associado aos maus hábitos na alimentação. Desse modo, uma reeducação alimentar pode ajudar a melhorar a relação com a comida, além de auxiliar na perda de peso de maneira saudável e consistente.

Durante a orientação nutricional, é possível receber as instruções para realizar essa reeducação alimentar. O objetivo é uma melhora gradual no quadro, a fim de obter resultados mais duradouros, sem prejudicar a saúde física ou mental do paciente.

Ganho de massa magra

A hipertrofia muscular, também conhecida como ganho de massa magra, é um objetivo em comum de muitas pessoas, principalmente aquelas que iniciaram um treino com exercícios de resistência.

Para aumentar a massa muscular, a alimentação é peça-chave, assim como a prática regular de exercícios de fortalecimento da musculatura. Alimentos ricos em proteínas e fibras ajudam a alcançar esse objetivo.

No entanto, para montar um cardápio equilibrado, que não apresenta a falta de outros nutrientes, é importante contar com a ajuda de um nutricionista. Explicar todas as suas metas durante a consulta vai ajudar o nutricionista a passar as orientações adequadas para o ganho de massa magra.

Acompanhamento de restrição alimentar

Algumas condições de saúde apresentam a necessidade de reduzir ou restringir o consumo de determinados alimentos, como:

  • diabetes — redução do açúcar;
  • colesterol alto — diminuição da ingestão de gorduras;
  • hipertensão — dieta pobre em sódio;
  • Doença de Crohn — redução de alimentos ricos em fibras e laticínios;
  • intolerâncias;
  • entre outros.

Para fazer a substituição de alimentos e ainda manter o equilíbrio é necessário receber o apoio de um nutricionista. Assim, é possível encontrar alternativas e evitar a falta de determinados nutrientes.

Orientação de atletas

Para atingir um alto condicionamento físico, é preciso contar com uma alimentação regrada, tal como uma rotina de exercícios físicos. Por essa razão, atletas também precisam de orientação nutricional.

Geralmente, o profissional da nutrição vai trabalhar em conjunto da equipe que está assistindo o atleta, como educadores físicos, treinadores, fisioterapeutas, entre outros, para encontrar o melhor plano alimentar.

Promoção do bem-estar físico

Como visto, a alimentação está vinculada ao bem-estar do organismo. Desse modo, melhorar a forma como você come oferece uma série de melhorias à saúde, além de ajudar na prevenção de diversas complicações.

Ao contar com uma alimentação adequada, é possível obter ganhos físicos e mentais, como:

  • aumento da disposição;
  • melhora da autoestima;
  • maior saciedade ao longo do dia;
  • melhorias no humor;
  • fortalecimento da memória e da atenção;
  • entre outros.

Como uma nutricionista pode ajudar?

Ainda não entendeu qual é o papel do nutricionista durante esse processo? Saiba que ter o apoio de um profissional especializado faz toda a diferença no cuidado com a sua saúde.

Durante a orientação nutricional, é esse o profissional que:

  • avalia o seu estado de saúde atual;
  • solicita exames para analisar os níveis de glicemia, colesterol e demais substâncias no sangue;
  • conversa sobre a sua rotina alimentar atual;
  • explica sobre as suas necessidades alimentares e nutricionais;
  • monta um plano que atende às demandas apresentadas;
  • realiza ajustes no planejamento alimentar, conforme os resultados apresentados no retorno;
  • oferece dicas de como manter uma alimentação equilibrada, seguindo as orientações dadas na consulta.

Gostou de saber mais sobre a orientação nutricional? Então, aposte nesse serviço para melhorar a sua alimentação. Sabe o melhor? É possível obter ótimos resultados por preços muito acessíveis. Para isso, é só contar com os benefícios do Cartão de TODOS!

Quer saber mais sobre o assunto? Veja agora mesmo o que você pode obter ao contratar o Cartão de TODOS!

Cartão de TODOS

Redator

Olá! Como podemos ajudar?