Peça agora o seu cartão também pelo telefone: 0800 729 2071

Inglês para crianças
Crianças 24 de janeiro de 2022

Como ensinar inglês para crianças? Veja 5 dicas

O aprendizado de idiomas abre portas para experiências únicas, tanto no campo profissional quanto na vida pessoal. A vantagem é que o contato com outras línguas tem ocorrido cada vez mais cedo, graças à variedade de materiais disponíveis ao público infantil. Eles ajudam a ensinar inglês para crianças de diversas formas. Vale a pena intercalar […]

O aprendizado de idiomas abre portas para experiências únicas, tanto no campo profissional quanto na vida pessoal. A vantagem é que o contato com outras línguas tem ocorrido cada vez mais cedo, graças à variedade de materiais disponíveis ao público infantil. Eles ajudam a ensinar inglês para crianças de diversas formas.

Vale a pena intercalar os métodos para estruturar uma rotina de estudos que se torne eficaz e, ao mesmo tempo, divertida. Sim, é possível aprender de um jeito alegre e contagiante, principalmente quando parte do processo conta com o apoio dos familiares.

Se você está procurando algumas ideias para ajudar os pequenos nesse caminho, fique de olho nos próximos tópicos!

Qual é a importância do inglês para crianças?

A infância sempre será um ótimo período para o aprendizado dos mais diversos assuntos. Nas crianças, a atividade neuronal é mais intensa, o que significa uma maior capacidade de gerar sinapses. O cérebro jovem também consegue se adaptar melhor às mudanças e ao que é novidade.

É importante tirar proveito dessa facilidade para que o ensino de inglês para crianças seja eficiente e prazeroso. Com o tempo, os pequenos vão se acostumando a falar, ler e escrever em outra língua, aprimorando a sua comunicação com diferentes grupos em inúmeras situações.

O domínio de outro idioma não só permite interagir com colegas, professores e familiares, como também serve de preparo para os desafios da vida adulta. Quem consegue se expressar de várias formas tem mais oportunidades para se destacar nos estudos, em um cargo e até no cotidiano.

Como inserir o idioma na rotina dos pequenos?

Hoje, é muito fácil encontrar conteúdos que abordam outros idiomas. Com o processo de globalização e o avanço das tecnologias, as possibilidades de trocas entre pessoas de diferentes culturas foram ampliadas. Tudo fica ainda melhor com a ajuda dos dispositivos conectados à internet.

Veja agora 5 formas de tornar o contato com o inglês mais frequente.

1. Use desenhos animados

As animações são ótimas para distrair os pequenos em momentos de folga, tanto que muitas fazem parte de seus programas favoritos. O lado bom dos desenhos infantis é que eles tendem a deixar as situações bem claras e construídas por meio de gestos e roteiros simples.

Assim, como nem sempre é necessário interpretar as falas para compreender o cenário, que tal apresentar alguns desenhos em inglês para as crianças? É uma boa maneira de familiarizá-las com termos, expressões e sotaques específicos. Os pais ou responsáveis também podem demonstrar interesse na telinha para animar a turma e manter todos concentrados.

2. Aproveite as músicas

Outra maneira de propor o estudo de inglês para crianças é montar playlists variadas, contendo faixas de artistas e bandas que cantam nessa língua. Se possível, peça a opinião dos pequenos na hora de selecionar as canções, pois assim eles terão um motivo a mais para se envolver na brincadeira.

As músicas são excelentes para aprender idiomas em momentos aleatórios, como um passeio de carro, um piquenique no jardim ou uma festinha infantil. Basta reproduzi-las nesses instantes que pedem um toque a mais de diversão.

Em casa, você pode pesquisar algumas letras e apresentar às crianças para que elas descubram o modo correto de escrever as palavras. Dá até para acompanhar alguns trechos enquanto o som estiver rolando, como se fosse um ensaio em família.

3. Invista nos jogos

Missões e desafios no aparelho de videogame, computador ou celular também ajudam a criançada a explorar a língua inglesa com entusiasmo. Isso porque garantem muita diversão e a vontade de superar fases a cada partida. Se observar bem, você verá que boa parte dos jogos podem ter o menu e os comandos alterados para outros idiomas.

Também existem aplicativos exclusivos que funcionam como ferramentas de estudo. Muitos deles misturam questões a obstáculos que precisam ser contornados, aguçando a curiosidade dos pequenos. Em todo caso, procure sempre verificar a faixa etária do game para encontrar a melhor opção.

4. Ofereça livros

As fábulas preferidas do público infantil podem ser encontradas em vários idiomas. A dica, portanto, é incrementar a biblioteca de casa com títulos em outras línguas. Como a intenção é ensinar inglês para crianças, priorize obras que tenham gravuras e outros elementos chamativos.

Para os menores, o ideal é contar a história enquanto mostra os desenhos e as personagens representadas nas páginas. Assim, fica mais fácil associar o termo ao sujeito ou objeto em questão. Os mais crescidinhos podem participar do processo fazendo suas próprias leituras. É um bom jeito de treinar e receber orientações quando surgirem dúvidas.

5. Defina o dia do inglês

Aulas curtas são indicadas para enriquecer o vocabulário e detalhar as referências que as crianças recebem nas atividades descontraídas. Por isso, reflita sobre a possibilidade de estabelecer um dia exclusivo da semana para estudar em casa. Isso vai ajudar a criar uma rotina que sirva de estímulo ao aprendizado.

A família pode, por exemplo, passar algumas lições no horário definido e, no final, fazer as correções na companhia dos pequenos. Se a criança já frequenta escolas de idiomas ou faz aulas particulares, o dia do inglês servirá como um reforço para retomar tópicos importantes e assimilar o máximo de conteúdos.

Como um bom curso pode ajudar?

O acesso a programas elaborados por profissionais faz toda a diferença no desempenho das crianças. Afinal, por melhor que seja a intenção dos pais ou de outros familiares, nem sempre eles terão condições de oferecer a estratégia mais adequada para a educação dos filhos.

Por conta disso, um bom curso de idiomas representa o caminho ideal para o aprendizado da língua inglesa. Nesse tipo de formação, cada aula é cuidadosamente planejada para que os alunos consigam dominar a base e avançar no ritmo esperado. O objetivo está em facilitar a trajetória de toda a turma, de modo que ela tenha sempre os melhores resultados.

Se você pretende apresentar o inglês para crianças e fazer com que pratiquem desde cedo, considere a reserva de um tempo apropriado para isso. Com as atividades citadas e o investimento em um curso de qualidade, os pequenos terão estímulos constantes para evoluir cada vez mais.

E já que o assunto é aprendizado, veja bons motivos para atualizar os seus estudos!

Cartão de TODOS

Redator

Olá! Como podemos ajudar?