Peça agora o seu cartão também pelo telefone: 0800 729 2071

falta de apetite
Alimentação 9 de março de 2022

Falta de apetite: confira as causas e como tratar

A falta de apetite pode indicar que algo não vai bem no organismo. Indisposição para comer, pular refeições e deixar de lado aquele prato delicioso podem ser um alerta de que existem problemas mais graves com a sua saúde. Mas afinal, quais são as causas da falta de apetite? Existe tratamento? Como saber se o […]

A falta de apetite pode indicar que algo não vai bem no organismo. Indisposição para comer, pular refeições e deixar de lado aquele prato delicioso podem ser um alerta de que existem problemas mais graves com a sua saúde.

Mas afinal, quais são as causas da falta de apetite? Existe tratamento? Como saber se o apetite vai voltar? Neste artigo, vou esclarecer essas e outras dúvidas. Vem comigo para saber mais!

O que pode causar a falta de apetite?

Identificar a causa da falta de apetite não é uma tarefa simples, por isso é fundamental visitar um médico. Mas existem algumas causas mais comuns, que vou mostrar a seguir.

Problemas emocionais

Um estudo da Universidade de Ciências da Saúde de Lahore, no Paquistão, sugere que níveis altos de estresse podem estar diretamente ligados à perda de apetite. A pesquisa explica que o hormônio corticotrofina (CRH), liberado após situações de ansiedade, afeta o sistema digestório, resultando na perda de apetite.

Se você está sentindo ansiedade ou muito estresse, não tem vontade de fazer suas atividades rotineiras e bate sempre aquele desânimo, os problemas emocionais podem estar interferindo no seu apetite. Nesses casos, o diagnóstico deve ser realizado por um psiquiatra ou psicólogo, beleza?

Além disso, junto do acompanhamento psicológico, é indicado consultar um nutricionista, que poderá passar uma dieta adequada para amenizar os sintomas.

A prática frequente de exercícios físicos também é uma boa pedida, pois ajuda na produção de serotonina, o hormônio do bem-estar. Inclusive, a serotonina ajuda a regular o sono e o apetite, por isso é tão importante para o nosso organismo.

Infecções

É comum que infecções virais, bacterianas ou parasitárias provoquem sintomas relacionados ao sistema gástrico, como dor abdominal e diarreia, além de enjoos e vômitos. Muitas vezes, a febre e a falta de apetite podem entrar nesse combo.

Mas o que fazer nesses casos? O clínico geral ou o infectologista são os profissionais indicados para descobrir a causa da falta de apetite. Após a realização de exames, o médico poderá receitar antibióticos ou antivirais para o tratamento.

Doenças crônicas

Doenças crônicas também podem ser a causa da perda de apetite. Pessoas com câncer, diabetes, insuficiência cardíaca e distúrbios neurológicos devem prestar atenção nesse sintoma.

Porém, não sentir fome pode ser efeito colateral de algum medicamento ou alguma condição temporária. Se o problema persistir por muito tempo, apenas o médico especialista poderá fazer o diagnóstico correto e descobrir o motivo da falta de apetite.

Em alguns casos, é recomendado também uma consulta ao nutricionista.

Uso de remédios

Você sabia que alguns remédios podem inibir o apetite? Medicamentos como fluoxetina, por exemplo, podem diminuir a fome. Contudo, esse sintoma pode reduzir depois de algumas semanas tomando a medicação.

Se a falta de apetite não passar e começar a interferir nas atividades do seu dia a dia, é necessário consultar o médico responsável pelo tratamento. Assim, ele poderá realizar uma substituição e recomendar um remédio que não tenha esse tipo de efeito colateral.

Como identificar a falta de apetite?

A falta de apetite indica que algo não vai bem no organismo. Se liga nos sinais mais comuns:

  • você fica horas sem comer e nem percebe;
  • pula refeições;
  • come bem pouco;
  • perde a vontade de comer aquilo que normalmente adoraria saborear;
  • perde peso;
  • sente mais fraqueza.

É importante ressaltar que perder o apetite de vez em quando não indica um quadro clínico. Muitas vezes, é até normal sentir menos fome! O que deve ser considerado é se esse desânimo em comer é frequente. Se perdurar por semanas, é hora de consultar um médico.

Como aumentar o apetite?

Como você viu, existem diversas causas para a perda de apetite e somente um especialista poderá recomendar o tratamento mais adequado. Mas existem alguns truques que podem ajudar a retomar a vontade de comer. Dá uma olhada:

  • crie o hábito de meditar, para relaxar o corpo e a mente;
  • convide alguém para comer junto com você, para tornar a refeição mais agradável;
  • aproveite bem os temperos na hora de cozinhar, para ressaltar o sabor;
  • estabeleça uma rotina e horários para as refeições;
  • evite bebidas antes e durante as refeições, para não atrapalhar o apetite;
  • pratique esportes para gastar mais energia e sentir fome;
  • faça refeições menores e com mais frequência, de 3h em 3h;
  • procure fazer pequenas pausas durante o dia;
  • varie o cardápio e evite monotonia na hora de comer;
  • evite "beliscar" durante as refeições;
  • adicione suplementos à sua dieta.

A suplementação adequada poderá ser feita por um nutrólogo ou nutricionista, como já ressaltei antes por aqui.

Quais são os problemas causados pela falta de apetite?

A falta de apetite pode levar a problemas mais graves, como:

  • desatenção e desinteresse;
  • enjoos;
  • sensação de fadiga;
  • tontura;
  • perda de massa muscular;
  • desnutrição;
  • irritabilidade;
  • febre;
  • alteração hormonal;
  • insuficiência renal.

É importante destacar que idosos são mais suscetíveis à perda de apetite e, por isso, podem ficar desnutridos, mais fracos e com sensação de fadiga. A perda de peso rápida em idosos deve ser investigada pelo geriatra e controlada com uma dieta equilibrada.

Crianças também podem apresentar falta de apetite, por isso, se você notar que os pequenos não querem comer de jeito nenhum, não esqueça de visitar o pediatra. É normal que algumas crianças queiram brincar e deixar a refeição de lado, mas se isso acontecer com frequência, é bom ficar alerta!

Quando é importante consultar um médico?

Consultar um médico é sempre importante, principalmente se os sintomas durarem muito tempo e resultarem em problemas mais sérios. Perdeu o apetite de repente, não tem vontade de comer e está sentindo muita fraqueza? Consulte um médico.

Tem idosos na família e notou uma perda de peso muito rápida? Marque uma consulta. Na hora de cozinhar com as crianças sentiu enjoo e nenhuma vontade de saborear o prato? Espere alguns dias para ver se o mal-estar permanece e, então, consulte um especialista.

Quando falamos em saúde, a consulta médica é imprescindível. Por isso, não tenha medo de procurar ajuda se começou a perceber uma falta de apetite constante.

Agora que você já conhece as causas e sintomas da perda de apetite, saiba quanto custa o Cartão de TODOS e veja como ter acesso a consultas médicas, medicamentos e exames com desconto!

Cartão de TODOS

Redator

Olá! Como podemos ajudar?