Peça agora o seu cartão também pelo telefone: 0800 729 2071

Decoração 9 de agosto de 2021

Faça você mesmo: 7 ideias divertidas para passar tempo em família

Manter a cabeça ocupada ajuda a preservar a saúde mental, principalmente em cenários difíceis. Esse cuidado também motiva as pessoas a colocar a mão na massa e dar continuidade a seus projetos. Muitos deles, inclusive, podem ser cumpridos no conforto de casa, seguindo o estilo “faça você mesmo”. A proposta é pensar em práticas agradáveis […]

Manter a cabeça ocupada ajuda a preservar a saúde mental, principalmente em cenários difíceis. Esse cuidado também motiva as pessoas a colocar a mão na massa e dar continuidade a seus projetos. Muitos deles, inclusive, podem ser cumpridos no conforto de casa, seguindo o estilo "faça você mesmo".

A proposta é pensar em práticas agradáveis para reunir toda a família. Assim, todos esquecem um pouco das preocupações e conseguem enfrentar o isolamento com mais ânimo. O lar também pode receber melhorias com atividades que envolvam algum tipo de reparo.

Ficou com vontade de chamar o grupo para interagir? Então, espie as 7 ideias do post e selecione as mais interessantes!

1. Reformar algum móvel

A possibilidade de passar mais tempo em casa inspirou muita gente a fazer melhorias na própria residência. Isso inclui tarefas para conserto de itens antigos ou que apresentam algum defeito. Assim, se você tem peças danificadas ou que merecem uma repaginada, esse é o momento de melhorá-las.

Os móveis são bons exemplos de produtos que se desgastam com facilidade. Então, use a criatividade para dar um up no visual daqueles modelos que parecem abandonados. Pode ser a pintura de um jogo de cadeiras, a substituição dos puxadores velhos de uma cômoda e até a reaplicação de verniz sobre um armário de madeira.

2. Decorar os ambientes

As restrições impostas pela pandemia demandaram jogo de cintura para conciliar rotinas e cumpri-las no mesmo espaço: a residência. Com a estadia prolongada em recintos que eram exclusivos para o lazer e o descanso, é normal que tenhamos vontade de alterar a aparência de alguns cômodos.

É por isso que a decoração sempre aparece entre as dicas de "faça você mesmo". Poucas mudanças já fazem a diferença no aspecto de um ambiente. Então, observe o uso atual de cada área da casa e faça um levantamento das novas necessidades.

Se a sala agora tem uma escrivaninha para trabalho e estudo, por exemplo, que tal deixar esse cantinho com mais cara de escritório? Inclua uma cadeira confortável, coloque uma luminária e até disponha quadrinhos para personalizar.

3. Construir um brinquedo

Quem tem filhos precisa pensar em atividades que alegrem a criançada. Uma boa alternativa é propor a criação de novos brinquedos ou jogos. Há muitas ideias em blogs e até tutoriais completos em canais de vídeo, com o passo a passo detalhado para a construção de modelos.

Vale a pena conversar com os pequenos e pedir opiniões sobre os brinquedos que eles gostariam de criar. Assim, as crianças ficarão motivadas a levar o projeto até o fim. Opções com materiais recicláveis ou que possam ser obtidos dentro de casa são as mais recomendadas. Veja exemplos:

  • imprimir figuras com malha de quebra-cabeça ou de jogo da memória;
  • preencher vidros de compota com terra, pedrinhas e areia para fazer terrários;
  • transformar pedaços de tecido em fantoches.

4. Testar novas receitas

Experiências culinárias são uma tendência no universo do "faça você mesmo". A proposta é perfeita para o momento em que tanta gente está sem ideias do que realizar em casa. Além de resultar em pratos incríveis para toda a família, essa atividade ainda promete animar as crianças.

Basta que o grupo se reúna e converse sobre os tipos de quitutes ou bebidas preferidos. Depois, é só ir atrás dos ingredientes e começar a festa na cozinha. O ideal é intercalar receitas tradicionais com preparos considerados inovadores, a fim de tornar a missão mais complexa.

A vantagem é que, ao final dos experimentos, todos vão poder degustar as delícias. Então, sempre aproveitem o momento da prova para trocar ideias e sugerir outras combinações de produtos.

5. Pintar uma parede

É difícil encontrar alguém que não goste de brincar com tinta. Desde crianças, ficamos curiosos para manipular as cores e testar misturas que gerem artes únicas. E quanto mais gente estiver por perto para contribuir, mais divertida fica a tarefa de compor uma pintura.

Escolha uma parede sem graça ou que apresente desbotamento para reformar. Vale desde colorir a superfície com o tom atual, renovando a camada, até preencher com uma cor diferente. Essa definição vai depender do objetivo, se você quer apenas um retoque ou algo ousado.

Para as pinturas artísticas, uma ideia legal é compor padrões usando estêncil. É só criar um molde com o formato desejado (estrela, bolinha, coração etc.) e aplicá-lo por toda a parede, formando um desenho ou estampa exclusiva.

6. Começar uma horta

Ideias relacionadas a plantas também são comuns entre as técnicas do estilo "faça você mesmo". Felizmente, trabalhar com espécies ornamentais ou alimentícias é bem fácil. De quebra, as ações de preparo da terra, manipulação de vasos e processo de plantio podem funcionar como uma academia em casa.

É importante observar as condições de luz e ventilação dos ambientes residenciais. Assim, você consegue definir quais plantas vão se desenvolver bem no local antes de adquirir as mudas e sementes. Procure variar as espécies para ter uma horta doméstica completa, com temperinhos, ervas medicinais e até verduras.

7. Criar murais de fotos

Nada melhor do que aproveitar o tempo em família para valorizar boas memórias. Por isso, o grupo pode procurar fotos e selecionar as favoritas para expor em um mural decorativo. Existem várias formas de produzir esse tipo de painel com registros:

  • prender as extremidades de um barbante (linha comum ou sisal) na parede e, sobre ele, fixar fotos com fita adesiva;
  • pendurar fitas no teto, de modo que fiquem suspensas até a altura dos olhos, e grampear as fotos por todo o comprimento, em ambos os lados;
  • preencher uma moldura grande de quadro com cartolina e, sobre esse papel, fazer uma colagem com várias fotos.

Como pôde ver, são muitas opções atrativas para colocar a tendência do "faça você mesmo" em prática. E incluir mais pessoas nas atividades só traz vantagens, já que a colaboração entre familiares promove o pensamento positivo necessário para enfrentar os diversos desafios da pandemia.

Você gostaria de ficar por dentro de outros conteúdos com dicas e informações? Para isso, siga os perfis do Cartão de TODOS nas redes sociais. Estamos no Instagram e no Facebook.

Cartão de TODOS

Redator

Olá! Como podemos ajudar?